Skip to Menu Skip to Search Contacte-nos Portugal Websites & Idiomas Skip to Content

O Grupo SGS tem apostado cada vez mais na inovação técnica e tecnológica no que diz respeito à área agrícola, visando não só oferecer um maior leque de serviços, mas também apresentar soluções e programas integrados e completos.

Porquê a aposta da SGS no desenvolvimento de soluções a o nível do setor agrícola?
O grupo SGS
tem feito uma grande aposta no que diz respeito ao setor agrícola e a SGS Portugal tem seguido essas tendências. Com o objetivo de completar as certificações já existentes (Modo de Produção Biológico, Modode Produção Integrado e Global G.A.P.), procurámos dinamizar o nosso laboratório no âmbito das análises agrícolas.

Que tipo de programas são desenvolvidos no âmbito das análises agrícolas?
Atualmente, a SGS Portugal dispõe de dois programas neste âmbito, o Programa de Monitorização da Fertirrega e o de Mapeamento de Solos.

A Monitorização de Alta Frequência de Fertirrega consiste na frequente quantificação química da solução de fertirrega, da solução líquida do solo e das suas interações com os tecidos vegetativos, permitindo uma recolha de informação prática, precisa e económica sobre todas as variáveis do sistema solo – água – planta.

No caso do Mapeamento dos Solos, este programa baseia-se na identificação e amostragem do solo através de uma rede rígida de pontos de determinada área, permitindo o seu delineamento e mapeamento. Geralmente, os agricultores recorrem à solução de Mapeamento de Solos quando ainda não existe uma cultura instalada no terreno, apresentandose assim como uma ferramenta útil para identificar e caracterizar as várias parcelas do solo, definindo as condições ideais para determinada cultura se desenvolver em boas condições numa área específica.

Quais as vantagens destes serviços?
É essencial a utilização racional dos recursos naturais, como o solo e a água, para que possa ser feita uma gestão eficaz dos mesmos, ajustando as doses de rega e fertilizantes a utilizar.
Estes programas apresentam-se assim como respostas bastante completas e que refletem a mais-valia dos serviços da SGS Portugal para os seus clientes.

O nosso papel não se resume à realização das análises de laboratório e apresentação dos dados, existindo um acompanhamento contínuo ao cliente e um aconselhamento após a interpretação dos resultados, no sentido de otimizar os fatores de produção e melhorar o rendimento das culturas. A SGS Portugal alia desta forma o trabalho dos técnicos especializados do laboratório à vertente de trabalho de campo dos técnicos agrícolas que irão proceder ao tratamento da informação e posterior consultoria. Esta sempre foi a base de trabalho da SGS e aquela que consideramos ser a mais vantajosa para os nossos clientes.

De que forma poderá beneficiar o consumidor final destas soluções?
Os produtores agrícolas, ao optarem por soluções como o Programa de Monitorização da Fertirrega ou o Programa de Mapeamento de Solos, têm todos os dados necessários para tomarem decisões com base em informações precisas e objetivas.

Estas decisões serão tomadas tendo em vista não só uma redução de custos e otimização da produção, mas também a oferta de um produto de qualidade ao consumidor final. Para além disto, o selo de qualidade e segurança da SGS, enquanto entidade independente, garante que todas as regras e parâmetros foram cumpridos.

Quais são os planos para o futuro da SGS Portugal em termos de serviços agrícolas?
A área agrícola tem sido uma forte aposta da SGS Portugal, tendo em vista a inovação constante e a oferta de soluções únicas, integradas e completas.

Nesse sentido, olhamos para o futurode forma positiva e expectante. Perante as exigências crescentes por parte do consumidor final e por entidades de supervisão para que se verifique o cumprimento das regras e dos padrões estabelecidos para este tipo de resíduos, a SGS Portugal detetou uma nova oportunidade de negócio: as análises a resíduos de pesticidas.

Os produtos agrícolas e alimentos podem ser sujeitos a dois tipos de análises, as GC (Cromatografia Gasosa) e as LC (Cromatografia Líquida).

Recentemente, a SGS Portugal obteve também a acreditação tanto para as análises LC como as GC, tornando-se a única entidade no nosso país acreditada para totalidade das determinações no que diz respeito à deteção de resíduos de pesticidas em produtos de origem vegetal com baixo teor de gordura.

Esta nova aposta torna os serviços da SGS mais completos, já que podem ser conjugadas com outro tipo de análises como análises a solos, águas de rega, folhas e fertilizantes.

A presença de pesticidas e outros resíduos nos alimentos constitui um risco para a saúde dos consumidores, podendo causar intoxicações devido à aplicação e utilização desadequada destas substâncias nos produtos agrícolas.

No que diz respeito ao futuro, sem dúvida que a SGS conta com os recursos necessários para continuar a percorrer este caminho de inovação na procura por novas respostas e soluções para o mercado no que diz respeito aos serviços agrícolas.

Para mais informações, por favor contacte:
tel: 808 200 747 (Seg. a Sex. das 9h às 18h)
@: pt.info@sgs.com