Skip to Menu Skip to Search Contacte-nos Portugal Websites & Idiomas Skip to Content

Sendo um dos objetivos primordiais do Lean o alcançar da maior qualidade possível, a sua imple-mentação traduz-se teoricamente em melhores produtos. Mas como é que essa melhoria do pro-duto final se alcança, de facto?

Método Lean

O que é o Método Lean?

Nascido nas fábricas japonesas da Toyota, como já detalhadamente abordado num anterior artigo, o Método Lean procura maximizar a eficiência produtiva e, simultaneamente, reduzir os custos de uma organização.

Assente no conceito de melhoria contínua, o Lean deve ser entendido como um processo permanente e de âmbito alargado — medidas enquadradas no Lean aplicam-se à gestão da cadeia de fornecimento e inventário, à gestão dos recursos humanos e materiais na fábrica, ao desenho da linha de montagem e aos fluxos de trabalho, entre outros. De modo semelhante, o entendimento da Qualidade como fator alvo de verificação ao longo de todo o processo produtivo e não apenas na sua etapa final consubstancia uma ideia de monitorização permanente, de abordagem iterativa e de fluxo de revisão constante como estratégia para aumentar a probabilidade de detetar precocemente problemas — e implementar as devidas soluções — que possam afetar a concepção do produto.

Como pode o Lean traduzir-se em melhores produtos?

Pela sua abrangência na transformação de uma estrutura produtiva, o Lean pode gerar ganhos transversais a toda a organização, culminando num produto final de qualidade superior e mais consistente. É aí que se deve sustentar a maior confiança e percepção de valor por parte dos potenciais clientes.
  • Simplificação: fruto da redução de desperdícios, mas também da redução de complexidade — e custos associados — que o Lean procura, a sua aplicação à concepção de um produto redunda, frequentemente, numa simplificação do produto, garantindo o foco naquelas que são as suas principais características funcionais. A redução de componentes não essenciais significa também a redução da probabilidade de erros ou mau funcionamento.
  • Identificação de necessidades: as atividades constantes de monitorização e o fluxo ininterrupto de alimentação do sistema de informação resultam, frequentemente, na identificação de oportunidades de melhoria, inovações potenciais ou novas funcionalidades para os produtos desenvolvidos.
  • Interações mais rápidas: alterações identificadas como necessárias nos processos internos ou diretamente relacionados com a produção podem ser atendidas mais rapidamente no quadro de um programa Lean.
  • Melhoria do ambiente de trabalho: o Lean pressupõe uma participação ativa de todos os colaboradores de uma empresa, e o seu feedback é considerado fundamental para a revisão dos processos internos de fabrico. Ao envolver os colaboradores nos processos de melhoria de forma ativa aumenta-se a probabilidade de sucesso de um programa Lean — e por isso da qualidade geral do trabalho desenvolvido — ao mesmo tempo que se motiva a força de trabalho. 
  • Menos inventário: a existência de muito stock é não apenas um desafio logístico para as empresas como pode também impactar a qualidade do produto. Na fase de armazenamento, um produto e/ou os seus componentes podem sofrer acidentes, estar expostos a risco físicos ou ambientais, ou até, em casos particulares e mais extremos, tornar-se obsoletos antes mesmo de chegarem ao mercado.
  • Redução de erros e desperdício: se a redução do desperdício pode permitir reduzir o custo associado à fabricação de um produto, a redução dos erros de montagem tem uma relação direta com a qualidade do produto final e com o potencial surgimento de problemas pós-venda.

Se pretende saber mais sobre a implementação da metodologia Lean em unidades industriais, descubra os nossos cursos:

Para mais informações ou inscrições, por favor contacte:
SGS Academy®
tel: 808 200 747 (Seg. a Sex. das 9h às 18h) 
@: pt.info@sgs.com

SGS Academy

As soluções de formação da SGS Academy são desenvolvidas por especialistas em cada uma das disciplinas para ajudar as empresas e colaboradores a melhorar as suas competências e capacidades pessoais, fatores-chave do desenvolvimento sustentável do negócio e da vantagem competitiva.

SOBRE A SGS

Somos a SGS - a empresa líder mundial em testes, inspeção e certificação. Somos reconhecidos como a referência mundial em qualidade e integridade. Os nossos 93.000 colaboradores operam numa rede de 2.600 escritórios e laboratórios, e trabalham em conjunto para possibilitar um mundo melhor, mais seguro e interligado.